Curadoria
0

Manejo Integrado de Pragas em sistemas de produção

Manejo de pragas em sistemas de produção

(Curadoria Agro Insight)

Hoje, trouxemos um novo vídeo que produzido pela Rede ILPF, que aborda destaca a importância do Manejo Integrado de Pragas e o exemplo da Spodoptera frugiperda. O vídeo é voltado para o sistema Integração Lavoura-Pecuária-Floresta, mas os princípios trabalhados são comuns para todos os sistemas de produção.

Manejo de pragas em sistemas de produção

Em sistemas integrados de cultivos intensivos de produção, como a integração lavoura-pecuária, é preciso tomar um cuidado especial com Manejo Integrado de Pragas.

Isso porque, o que a gente faz no cultivo, pode ter um grande reflexo para lavoura seguinte no que tange ao controle ao manejo de insetos pragas. Nesse cenário, pragas polífagas que se alimentam de várias espécies de plantas, como Helicoverpa armigera e mesmo a Spodoptera frugiperda, que é a principal praga do milho.

Elas têm um papel mais importante porque podem ter nessas várias culturas o que nós chamamos de ponte verde. A Spodoptera frugiperda, por exemplo, é a principal praga da lavoura do milho, mas ela tem como plantas hospedeiras mais de 100 espécies de plantas. O milho, o sorgo, o arroz, mesmo a braquiária, que é uma planta importante nesse sistemas intensivos de cultivo, e a gente deve tomar um cuidado especial com monitoramento da população de Spodoptera frugiperda dentro de sistemas intensivos de cultivo, porque ela pode estar presente, por exemplo, em áreas de braquiária sem causar danos, e aí quando a gente retira aquela braquiária para plantar a lavoura de milho, para plantar a lavoura de soja, essa população de insetos pode estar suficientemente alta para causar grandes danos desde o início do ciclo de cultivo. Então, ao se cultivar a braquiária, por exemplo, ou alterar um campo sujo com alguma planta daninha que também pode ser hospedeira da Spodoptera frugiperda, é preciso lembrar da importante prática agrícola que é a desseca, que deve ser feita antecipadamente para retirar o alimento do inseto, assim esse inseto não vai sobreviver nessas plantas, que a gente chama de ponte verde e esses insetos não virão a causar grandes danos nas lavouras subsequentes.

O produtor então, que faz uso de sistemas intensivos de produção, é preciso estar atento para o monitoramento de pragas dentro das várias lavouras que compõem os sistemas intensivos de produção. Entender a dinâmica populacional desses insetos pragas é importante para tomar decisões adequadas, decisões acertadas, quanto as estratégias de manejo, quanto a decisão da utilização de inseticida, controle biológico e outras estratégias de manejo que o produtor pode ter, que ele só vai ter, a partir do momento que ele conhece adequadamente o seu sistema de produção e conhece os insetos pragas que estão na lavoura. Nesse sentido uma orientação técnica de um agrônomo é importante para fazer as recomendações adequadas dos defensivos agrícolas.

A Rede ILPF

A Associação Rede ILPF é formada pelo Bradesco, Ceptis, Cocamar, John Deere, Soesp, Syngenta e Embrapa. Tem o objetivo de acelerar uma ampla adoção das tecnologias de integração lavoura-pecuária-floresta (ILPF) por produtores rurais como parte de um esforço visando a intensificação sustentável da agricultura brasileira.

Fonte: Rede Rede ILPF

Espaço para parceiros do Agro aqui

Tags: , , , ,

Posts Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.
Você precisa concordar com os termos para prosseguir

janeiro 2022
D S T Q Q S S
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031  
LinkedIn
YouTube
Instagram
Menu