Curadoria
0

Proteínas alternativas: substitutos da carne

Proteínas alternativas

(Curadoria Agro Insight)

Olá Agronautas!

Hoje a curadoria é sobre o desenvolvimento de alternativas de produtos substitutos da carne animal.

Nesse contexto, o artigo, dos pesquisadores da Embrapa, Janice Lima, Caroline Mellinger, Ilana Felberg e Melicia Galdeano, aborda o conceito de plant-based e o desenvolvimento de novos produtos e ingredientes alimentícios para atender indústrias na produção dos análogos de produtos de origem animal, ou seja, com características sensoriais similares de textura, sabor e aparência, buscando requisitos de conveniência, praticidade e saudabilidade dos consumidores.

Artigo: Pesquisa brasileira avança em estudos sobre proteínas alternativas

Os análogos de produtos de origem animal, também conhecidos como plant-based – ou à base de plantas – são produtos que visam os consumidores vegetarianos, veganos e flexitarianos, e têm apresentado rápido crescimento de mercado. Segundo dados da agência Euromonitor, nos últimos cinco anos, o país registrou um crescimento anual de 11,1% nas vendas de produtos substitutos da carne animal e as projeções são de um crescimento de 40% ao ano, para os próximos cinco anos. Hoje, existem vários ingredientes no mercado voltados para o desenvolvimento de produtos plant-based.

O desafio é selecionar os ingredientes que atendam às necessidades do fabricante, como preço e disponibilidade, e as expectativas do consumidor com relação à nutrição e saudabilidade.

Outra importante questão de cunho científico, a ser respondida, está relacionada ao valor biológico das proteínas de pulses, especialmente se comparadas a produtos lácteos ou ao ovo, alimentos que contêm proteínas de alto valor nutricional. Informações sobre a digestibilidade e a bioacessiblidade de ingredientes e produtos são importantes para direcionar o desenvolvimento de novos produtos.

Diversificação de fontes vegetais

Soja x Pulses

A soja foi, até pouco tempo atrás, a principal matéria-prima nacional para produção de proteínas vegetais na forma de concentrados, isolados e texturizados proteicos. No entanto, o mercado vem demandando outras fontes de proteínas vegetais, dando início a uma nova geração de ingredientes proteicos destinados à indústria de alimentos, quer para consumo interno ou para abastecimento do mercado internacional.

Nesse contexto, os pulses são as matérias-primas vegetais escolhidas como alternativas por apresentarem alto teor proteico que, em geral, varia de 20% a 38%. Pulses são as sementes comestíveis secas de plantas da família das leguminosas e apresentam um papel importante para a nutrição e saúde humana e para a segurança alimentar global, sendo a ervilha, o feijão, a lentilha e o grão-de-bico os principais representantes.

Seguindo essa tendência, a indústria nacional vem utilizando concentrado proteico de ervilha para ser incorporado em produtos de panificação, bebidas proteicas, suplementos alimentares e em iogurtes e derivados tipo lácteos. No entanto, essa demanda por ingredientes e produtos vegetais proteicos diversos trouxe desafios de caráter tecnológico, sensorial e de ordem nutricional para o setor produtivo. As pesquisas vêm avaliando se as rotas tecnológicas usualmente aplicadas para a soja se ajustam às outras fontes agrícolas, especialmente aquelas produzidas no Brasil.

Do concentrado, pode-se obter também as proteínas vegetais texturizadas (PVT), ingredientes considerados de grande importância, principalmente na indústria de análogos cárneos que são produtos que se assemelham em aparência e textura à carne, mas são feitos à base de plantas. As PVT conferem textura que se assemelha à da carne e são usadas como extensores ou substitutos de carne em diversos produtos como por exemplo embutidos (salsichas, mortadelas), almôndegas, bolos de carne e hambúrgueres.

BIBLIOGRAFIA E LINKS RELACIONADOS

Janice Lima, Caroline Mellinger, Ilana Felberg e Melicia Galdeano. Pesquisa brasileira avança em estudos sobre proteínas alternativas.

Espaço para parceiros do Agro aqui

Tags: , , ,

Posts Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.
Você precisa concordar com os termos para prosseguir

outubro 2021
D S T Q Q S S
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  
LinkedIn
YouTube
Instagram
Menu