CuradoriaSem categoria
0

Lagartas resistentes: o uso de inseticidas deve ser feito apenas quando os níveis populacionais atingirem os níveis de ação

Lagartas resistentes: o uso de inseticidas deve ser feito apenas quando os níveis populacionais atingirem os níveis de ação

(Curadoria Agro Insight)

Hoje vamos abordar um problema que já está gerando alerta em meio aos pesquisadores, que é o surgimento de populações resistentes das lagartas falsa-medideira e da broca-das-axilas à soja Bt de primeira geração.

Resistência de lagartas à soja Bt: pesquisadores alertam para o uso indiscriminado de inseticidas

Populações da lagarta-falsa-medideira (Rachiplusia nu) e da broca-das-axilas tem apresentado resistência ao Cry1Ac (soja Bt de primeira geração), problema que tem se agravado nesta safra 21/22. Apesar dessa notícia negativa, é importante destacar que isso não deve impactar a performance da tecnologia de soja-Bt para o manejo de outras espécies alvo da tecnologia como a lagarta-falsa-medideira (Crysodeixis includens) e a lagarta-da-soja.

Apesar dessas populações resistentes, é importante salientar que o uso de inseticidas para seu controle deve ser feito apenas quando os níveis populacionais atingirem os níveis de ação. Para o pesquisador da Embrapa Soja, Adeney de Freitas Bueno, “o produtor deve ser cauteloso no momento de verificar a necessidade de controle, respeitando as recomendações do MIP-Soja, que indicam o momento correto de se aplicar inseticidas”. Bueno também reforça que as plantas Bt são apenas um componente das estratégias de manejo, e o MIP-Soja preconiza a associação de diferentes ferramentas sustentáveis.

Monitoramento

A Embrapa tem identificado o uso indiscriminado de inseticidas na tentativa de controlar essas lagartas. Estudos indicam que inseticidas contra lagartas desfolhadoras devem ser aplicados apenas quando a desfolha for igual ou superior a 30% durante o estádio vegetativo da soja ou a 15% no estádio reprodutivo.

Antes desse momento, os inseticidas são desnecessários e sua aplicação, além de elevar o custo de produção, elimina os insetos benéficos que são responsáveis por manter outras pragas em equilíbrio.

Baixo uso de áreas de refúgio

Apesar das causas da resistência de Rachiplusia nu e da broca-das-axilas ao Cry1Ac (soja Bt) serem complexas, pesquisadores da Embrapa Soja ressaltam que a baixa adoção de área de refúgio estruturado seja um fator responsável pela maior ocorrência desses insetos em soja-Bt. “Observamos uma redução na adoção do refúgio estruturado no cultivo de soja. Assim, em um cenário de alta adoção da tecnologia de soja-Bt e de baixa aderência a prática do refúgio estruturado, aumenta-se consideravelmente a probabilidade de evolução da resistência nas espécies-alvo”, destaca Bueno. O pesquisador alerta que é essencial o plantio de pelo menos 20% de refúgio estruturado (soja não-Bt), semeado de forma que a distância de uma planta-Bt de uma planta não Bt esteja dentro de no máximo 800 m.

A adoção da área de refúgio e o uso racional de inseticidas, entre outras recomendações do MIP-Soja, são importantes para a sustentabilidade da tecnologia Bt. Informações mais detalhadas estão disponíveis na nota técnica no site da Embrapa Soja, que fala sobre a “Ocorrência de Rachiplusia nu e Crocidosema aporema em soja-Bt na safra 20/21 e principais orientações de manejo aos produtores para a safra 21/22”.

REFERÊNCIAS E LINKS RELACIONADOS

Resistência de lagartas à soja Bt: pesquisadores alertam para o uso indiscriminado de inseticidas
Ocorrência de Rachiplusia nu e Crocidosema aporema em soja-Bt na safra 20/21 e principais orientações de manejo aos produtores para a safra 21/22

Espaço para parceiros do Agro aqui

Tags: , , ,

Posts Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.
Você precisa concordar com os termos para prosseguir

janeiro 2022
D S T Q Q S S
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031  
LinkedIn
YouTube
Instagram
Menu